Se a sua vontade é sempre de conhecer lugares novos e históricos em meio à natureza, essa é uma programação ideal para você que veio para Las Vegas, mas deseja ir além das luzes e atrações da Strip. O parque de Zion fica a duas horas da boulevard podendo te proporcionar um momento de pura paz e contato com nativos  da região de Utah.

 

O principal atrativo desse destino são os enormes rochedos constituídos de arenito com cores diversificadas, passando pelo bege, rosa e vermelho. Para os curiosos e especialistas ligados ao mundo da geologia, esse é um autêntico parque de diversões. E a diversidade não fica só nas pedras, este pedaço de deserto ainda reserva plantas e animais típicos da região que são protegidos por leis contra caça no local, entre as espécies mais vistas estão: alces, beija-flores, tartarugas, aranhas, morcegos, esquilos, falcões e mais 207 espécies de pássaros na região. Ainda acha que o deserto não tem nada?
 

Programe-se

Aberto diariamente, Zion é uma ótima oportunidade para você fazer uma caminhada gostosa em meio aos rochedos. Para que o lazer totalmente prazeroso, a dica é tentar programar essa viagem no período de outono na região, isso porque, ao contrario do verão, as temperaturas nessa época ficam mais amenas, ideal para sua caminha não ser tão acalorada. A média no termômetro pode ficar na casa dos 17 ° graus, baixando mais ao fim da tarde.

 Obs: Não se esqueça de que o tempo, independente da estação, é seco! Por isso proteja sua pele com hidratantes mais potentes e muita água para não desidratar ao longo do trajeto.
 

No verão

Mas se o seu desejo é visitar a região nas altas temperaturas, também não tem problema, afinal tem quem seja muito resistente ao calor e goste de pegar um bronze a mais nas férias, certo? Ok! Mas para isso acontecer como o planejado, as recomendações ficam em abusar do filtro solar (a partir do fator 30) e levar o dobro de água para o trajeto, combinado? Isso porque a temperatura pode facilmente passar dos 40 graus causando uma desidratação, caso você não esteja devidamente preparado.

Outro refúgio, que os desbravadores encontram ao caminhar pelo Zion Canyon, é o trecho conhecido como “The Narrows”. Essa parte é um desfiladeiro relativamente estreito, com paredes de mil metros de altura e vinte e cinco metros de largura, sendo uma das áreas mais visitadas no verão, por possuir ao meio um rio chamado Virgin.

Essa é uma das paradas mais esperadas justamente pela possibilidade de se refrescar um pouco, pois para quem deseja conhecer a fundo o espaço estreito, deve obrigatoriamente passar pelo rio. Por isso, saiba que você irá se molhar nessa opção! Não totalmente, mas parcialmente, até os joelhos (dependendo de sua altura). Nada ruim para um dia quente, não acha?

 

Diversidade

O interessante de frisar é que Zion está pronto para receber qualquer pessoa que esteja disposta a aproveitar bons momentos com a natureza desértica. Por esse motivo, atividades variadas não faltam. O que define qual é a mais indicada para você, é a intensidade de cada uma, podendo ir desde uma simples caminhada ou pedaladas com uma bike até desafios no rapel e escaladas bem íngremes. O que vai determinar é a sua resistência e sua vontade! 

Menores: existem programações especiais para crianças e adolescentes que envolvem dinâmicas de aprendizado sobre o Zion National Park em área aberta. Mas é válido por segurança, confirmar se no dia da sua excursão, se todas as atividades estarão em funcionamento.

 

NOTA: Os centros de visita, museu, banheiros, ônibus de transporte, áreas para piquenique e recepção são acessíveis. Várias áreas são reservadas para pessoas com deficiência física, incluindo duas das principais trilhas do lugar, a Pa'rus Trail e Riverside Walk. Os cães guias também são permitidos, mediante ao uso de coleira em todos os pontos do parque. Além disso, o filme de orientação oferece legendas ou áudio-descrição.

 

De olho no verde

Com operações sustentáveis, conservar as maravilhas naturais dentro de suas fronteiras é uma constância adotada pelo Zion.  Uma das atitudes adotadas fica pelo programa de rastreamento e análise de seus impactos ambientais, que trabalha sem intervalos, para melhorar a forma de uso da energia. Todas as atitudes do parque levam em consideram a “saúde” do lugar, desde a escolha dos tipos de produtos e materiais comprados até a reciclagem de lixo. O parque se dedica para ser um líder ambiental no âmbito do Serviço Nacional de Parques.

 

Atendimento Vegas Brazil:
Não deixe de entrar em contato com a gente! (contato@vegasbrazil.com)


 

Foto: Divulgação/Internet

Texto: Alice Camargo

 

 

Zion: conheça o primeiro Parque Nacional de Utah! was last modified: by

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *